Oleo na Praia
MOBILIDADE URBANA

Blitze encerram pesquisas no Anel Viário e seguem para BR-222

08/11/19  

/admin/view/noticia/img/20191108135717blitze_pmu_mobilidade.jpg

As blitze realizadas pela Prefeitura para coleta de informações que resultarão no Plano de Mobilidade Urbana (PMU) encerraram nesta sexta-feira (8/11) as atividades no Anel Viário. Os trabalhos estavam concentrados entre o Cemitério Parque da Saudade e o Posto Shell desde o último dia 5 de novembro.

A partir da próxima terça-feira (12/11), as equipes interceptarão carros, motos, ônibus e caminhões na BR-222, próximo ao distrito da Catuana. As blitze durarão quatro dias e acontecerão em turnos alternados.

Com a aplicação dos questionários, a Prefeitura vai dispor de informações sobre o deslocamento dos motoristas que cruzam a via: de onde vêm, para onde vão, em quanto tempo, em qual tipo de veículo etc. Os dados são fundamentais para a implementação de políticas públicas de mobilidade urbana de Caucaia.

São determinantes também porque hoje Caucaia executa o maior programa de infraestrutura integrada da história da cidade e um dos maiores do Brasil: o Avança Caucaia, cujo objetivo é interligar os três maiores distritos do município (Sede, Jurema e Litoral) e uma série de outras ações. Mais de R$ 320 milhões serão investidos via financiamento do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF).

Todo o trabalho das equipes de pesquisa está sendo feito com o apoio da Autarquia Municipal de Trânsito (AMT) e tem caráter apenas de coleta de dados. Nenhuma dessas blitze é fiscalizatória e/ou punitiva.

Além da aplicação dos questionários, as blitze fazem a contagem de veículos. Aparelhos são instalados às margens dos dois sentidos da avenida e indicam quantos carros, motos, caminhões e outras máquinas passam periodicamente pelo local. Isso também auxiliará a Prefeitura a compreender o modo como as pessoas se deslocam em Caucaia.

Em paralelo, seguem as pesquisas domiciliares. Mais de 2.500 questionários já foram aplicados em diversos bairros. Cada documento corresponde a uma residência. A expectativa é de que pelo menos 3.000 casas sejam visitadas pelas equipes até dezembro.

O PMU é obrigatório para municípios com mais de 20 mil habitantes – conforme estabelece a Lei Federal nº 12.587/12 ao instituir as diretrizes da Política Nacional de Mobilidade Urbana. É a primeira vez, no entanto, que Caucaia mobiliza-se pra elaboração do documento.